O Projecto

Descrição

A “Rota dos Óleos Alimentares Usados” é um projecto que promove a recolha de óleos alimentares usados e respectiva conversão em biodiesel, assumindo os seguintes objectivos:

  • reduzir a quantidade de óleos alimentares usados introduzidos nos sistemas de drenagem e tratamento de águas residuais;
  • reciclar os óleos alimentares usados para produção de biodiesel e de outros produtos;
  • implementar o consumo de biocombustíveis e reduzir as emissões de CO2 associadas aos transportes.

Este projecto, desenvolvido em parceria com a DRELVT – Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo e com as Câmaras Municipais da área de intervenção da ENA (Palmela, Sesimbra e Setúbal) começou por se direccionar às escolas, tendo sido alargado num segundo momento para outros locais públicos, que podem ser encontrados nesta página.


Dadas as características do óleo alimentar, este projecto não contempla a recolha de óleos na via pública. Evitam-se assim problemas vividos por outras entidades, associados ao risco de incêndio de um oleão, à possível ruptura com fugas para a via pública (pedonal ou rodoviária) e ainda os problemas de salubridade associados à deposição de óleos. Com isto, pretendemos implementar um sistema que alie a eficácia da recolha à segurança dos utilizadores.


Sabia que...?

  • Em Portugal, cada pessoa em sua casa gera cerca de 5,5 litros de OAU por ano (Ministério do Ambiente, Ordenamento do Território e Desenvolvimento Regional, 2009).
  • Só na área de intervenção da ENA, estima-se que o sector doméstico produza cerca de 1.320.000 litros OAU/ano.
  • Um litro de OAU entregue para reciclagem permite produzir e recuperar cerca de 0,7-0,8 litros de biodiesel.
  • Por cada tonelada de biodiesel utilizada em substituição de gasóleo, para além de se evitar o consumo de um recurso não renovável, evita-se a emissão de cerca de 1,8 toneladas de gases de efeito de estufa.
  • Por cada tonelada de OAU desviada de aterro sanitário evita-se a emissão de cerca de 14 toneladas de gases com efeito de estufa associada à sua biodegradação na ausência de oxigénio.
  • Um litro de OAU despejado na rede de drenagem de águas residuais é suficiente para contaminar um milhão de litros de água.
  • A lei portuguesa proíbe a introdução de OAU nas redes de drenagem de águas residuais.


Legislação

Regime Jurídico de Gestão dos Óleos Alimentares Usados (ver pdf)

 

Decreto Lei nº 267/2009 de 29 de Setembro

 

Resultados

 

Total

 

Ano OAU recolhido
(litros)
Produção estimada de Biodiesel (litros) Produção estimada de Biodiesel (ton) Emissões de GEE evitadas
(kg CO2 eq.)
2008 1.007 705 0,6 1.076
2009 5649 3.954 3,6 6.034
2010 10.511 7.358 6,8 11.227
2011 11.117 7.782 7,2 11.875
2012 14.216 11.017 10,1 16.812
2013 15.625 12.109 11,1 18.478
2014 12.030 9.323 8,6 14.227
2015 16.005 12.404 11,4 18.927

 

Total

Nota: no Concelho de Palmela, a monitorização por parte da ENA (em escolas e outros pontos de recolha) retomou em Novembro 2012.

 

Escolas

 

Agrupamento Recolha de OAU em 2015
(litros)
Concelho de Palmela 335
Agrupamento Vertical de Escolas de Palmela 120
Escolas Secundárias 120
Agrupamento de Escolas José Maria dos Santos (Pinhal Novo) 95
Agrupamento de Escolas de José Saramago (Marateca/Poceirão) 0
Concelho de Setúbal 520
Agrupamento Vertical de Escolas Ordem de Santiago 110
Agrupamento Vertical de Escolas Barbos du Bocage 40
Agrupamento Vertical de Escolas de Azeitão 45
Agrupamento Vertical de Escolas Luísa Todi 0
Agrupamento Vertical de Escolas Cetóbriga 0
Agrupamento Vertical de Escolas Lima de Freitas 0
Escolas Secundárias e Profissionais 120
Outras instituições de ensino 205
Concelho de Sesimbra 140
Agrupamento Navegador Rodrigues Soromenho 140
Agrupamento Escolas de Sampaio 0
Agrupamento Michel Giacometti 0
Agrupamento Escolas Boa Água 0
Agrupamento Escolas da Quinta do Conde 0
Outras instituições de ensino 0
Total dos 3 concelhos (área intervenção ENA) 995

 

Escolas

 

Ficha Técnica 

Elaboração, edição e propriedade:
ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida
Rua Infante D. Henrique, n.º 11, 2955-196 Pinhal Novo
Tel. 212382515 | Fax. 212382517 | geral@ena.com.pt | www.ena.com.pt

Design gráfico e web:
Assec Sim! - Sistemas de Informação e Multimédia, Lda

Rua Dr. António Plácido da Costa, nº16 Cave

6200-051 Covilhã

Tel. 275 310 651 | Fax: 275 310 659 | sim@assec.pt | www.assec.pt

Apoio institucional:
Fula – Nascido na Natureza, tratado no Oleão
Rua General Ferreira Martins 6, 8º, Miraflores, 1495-137 Algés
Tel.: 214 129 300 | Fax: 214 129 347 | info@sovena.com | www.sovenagroup.com  

SIMARSUL – Sistema Integrado Multimunicipal de Águas Residuais da Península de Setúbal, S.A.
Av. Luísa Todi, 300-3º, 2900-452 Setúbal
Tel.: 265 544 000 | Fax: 265 544 001 | geral@simarsul.pt | www.simarsul.pt  

Intelligent Energy Europe
http://ec.europa.eu/energy/intelligent

Parceiros:
Câmara Municipal de Palmela
Largo do Município, 2950-001 Palmela
Tel.: 212 336 600 | Fax: 212 336 619 | geral@cm-plmela.pt | www.cm-palmela.pt  

Câmara Municipal de Sesimbra
Rua da República, 3, 2970-741 Sesimbra
Tel.: 212 288 500 | Linha Verde: 800 228 850 | ambiente@cm-sesimbra.pt | www.cm-sesimbra.pt

Câmara Municipal de Setúbal
Rua Acácio Barradas, 27-29, 2900-197 Setúbal
Tel.: 265 537 000 | disqa@mun-setubal.pt | www.mun-setubal.pt  

Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo
Equipa de Apoio às Escolas da Península de Setúbal Sul
Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico Bocage
Av. Dr. António Rodrigues Manito, 2900-058 Setúbal
Tel.: 265 545 290 | Fax: 265 545 299 | www.drelvt.min-edu.pt


Apoios: 
Fula - Nascido na Natureza, tratado no Oleão Simarsul - Grupo Águas de Portugal European Commission - Energy - Intelligent Energy Europe Assec - Sistemas Ambientais, Lda 
Parceiros: 
Câmara Municipal de Palmela Câmara Municipal de Sesimbra Câmara Municipal de Setúbal DRELVT - Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo 
Promotor: 
ENA - Agência de Energia e Ambiente da Arrábida